O Hipermito

O Hipermito é a “mitologia” de Saint Seiya, uma espécie de mitologia modificada e adaptada por Kurumada a partir da mescla de todas as mitologias (principalmente a grega), lendas e religiões presentes no mundo. Uma mitologia independente que ajuda na compreensão do universo Saint Seiya. A Hiper mitologia (Hipermito), este artigo escrito por Kurumada, foi publicado na revista Cosmo Especial (da Shueisha), consagrada ao mangá de Saint Seiya.

As lendas perdidas das origens de Saint Seiya

Muitos se perguntam coisas como: “de onde vêm as armaduras?”, “existiram outras guerras antes das que vimos?”, “de onde surgiram os deuses?” e outras coisas do tipo. Bem, aqui está um resumo das origens da história de Saint Seiya; isso mostra que a história do mangá e anime que conhecemos é apenas uma parte de uma grande cadeia de acontecimentos que formam a grande lenda lenda que é Saint Seiya.

Nota: No universo da mitologia grega primeiramente aparecem Érebo (as trevas), Nix (a noite) e Kaos (o caos). Depois nos deparamos com os primeiros indivíduos mitológicos. Eles são a personificação da natureza, como Urano (o céu) e Gaia ou Géia (a terra, na ilustração), que formam o primeiro casal no trono divino. Mais tarde aparecem os titãs (filhos de Urano e Gaia). Existem seis titãs: Oceano, Ceos, Crios, Hyperion, Japeto e Cronos; e seis titânides: Tía, Themis, Mnemósine, Febe, Tétis e Réia. Cronos e Réia destronam seus pais e formam o segundo casal do trono. A união do casal dá origem aos primeiros olimpianos: Zeus, Poseidon, Hades, Demétrius, Héstia e Hera. Zeus e Hera derrotam seus progenitores e se instalam definitivamente no trono divino. Ainda existe uma segunda geração de deuses do olimpo composta por Athena, Apolo, Ártemis, Ares, Hermes e Efesto. Quando, a partir de agora, falarmos em “deuses pré-olimpicos”, estaremos nos referindo aos deuses que governavam antes que se instalasse o poder do casal olímpico Zeus e Hera.

Clique aqui para ler mais…

Extraído do Site: http://www.kdanimes.com/

Pesquisa Original: Tauro Aldebaran

Adaptação ao português: Aldebaran

Revisão: Mu

*********************************************