Moisés é o cara. XD

Me identifico muito com Moisés, e muitas das atitudes precipitadas (ou próprias de quem tem auto-estima baixa) que ele tomou de acordo com o que relata a Bíblia me trazem lembranças de atitudes que eu mesmo tomei durante meus poucos anos de vida.

Daí recebi essa mensagem por e-mail(mais precisamente do Ricardo Aguiar), e achei interessante blogar ela. Espero que gostem.

—-*—-

Nenhuma desculpa será suficiente

Então, disse Moisés ao Senhor… sou pesado de boca e pesado de língua

(Ex 4.10)

Quanto mais Moisés ouvia a voz emanando da sarça ardente, mais temeroso ficava. Deus estava na sarça, dizendo a Moisés que Ele o havia selecionado para tirar os israelitas do cativeiro egípcio.

Deve ter algum erro, Moisés pensou. Ele tinha uma longa lista de desculpas para explicar por que não podia ser o homem de Deus. Ele tinha oitenta anos de idade, tendo passado os últimos quarenta anos pastoreando ovelhas no deserto. Não tinha treinamento teológico e, portanto, não seria capaz de explicar adequadamente qual deus (dentre os muitos que os egípcios conheciam) o havia enviado.

Para finalizar, Moisés não era um orador eloqüente.

Deus derrubou suas desculpas uma a uma. Então deu ao surpreso e assustado Moisés uma última lição audiovisual. Diante de seus próprios olhos, Deus transformou um pastor de ovelhas comum em uma extraordinária ferramenta de libertação. Era como se Deus dissesse: “Moisés posso fazer o mesmo com sua vida. Mas, primeiro você tem que parar de dar desculpas e confiar em mim”.

Deus diz essencialmente a mesma coisa para nós. Ele tem um maravilhoso propósito para a sua vida e planos grandiosos para você executar. Mas se você focalizar sobre sua fraqueza e se apegar à dúvida, nunca saberá nada além da mediocridade. Deixe que Ele trabalhe em e através de você, o mundo vai se maravilhar com os resultados.

Extraído do Livro – Lições de Vida – CPAD

Deus quer capacita-lo para executar qualquer tarefa para a qual Ele te escolheu.

Ricardo Aguiar