Deus e seu livro

Imagine que Deus(este ser superior, ou qualquer nome que você use para ele – você sabe de quem estou falando) exista, e tenha uma mente inteligente. Acha mesmo que ele se revelaria? Acha que deixaria pistas para que se comprovasse sua existência? Acha que deixaria um manual de instruções para quem nasce no mundo, como se o mundo fosse um enorme televisor ?

Claro que todos questionam em algum momento a veracidade, confiabilidade e historicidade da Bíblia. E você já pensou na possibilidade de Deus ter deixado a Bíblia exatamente com esse propósito? Caso a Bíblia não fosse um tema controvertido, ela ainda seria a Bíblia?

Ele faria isso com que finalidade? Ora, dar margem a esse pensamento, à criação de textos como este, fazer com que nos questionemos a respeito de uma existência superior. Tenho certeza de que se não existisse a Bíblia haveria algum outro livro milenar de historicidade questionável e que poderia ser alterado e blá, blá, blá (ou seja, mil outros motivos que fazem com que as pessoas não creiam na Bíblia) existiria e grande parte da humanidade seguiria qualquer coisa que se mostrasse como regra e que estivesse descrita como tal neste livro.

Se Deus existe e pensa, você acha mesmo que ele é burro?

2 comentários sobre “Deus e seu livro

Os comentários estão desativados.