Meus peris, minha perieira: a sua ausência é uma sensação.

Era tarde de uma sexta-feira, e voltando do trabalho, cansado, parei diante da floricultura na esquina da minha rua. Não sei explicar o que aconteceu, se era apenas uma forte intuição ou se acometeu-me a loucura da forma mais estranha (ou peculiar) possível: Resolvi, naquele exato instante, que compraria uma árvore. Assim como não costumo…

Tolerância ZERO!

É necessário resolver-se contra alguns comportamentos. Sugestões de ofensas, tentativas de fazer-se de vítima, falta de respeito pelo espaço alheio, pela dignidade das pessoas… É preciso definir o que é dignidade, e isso acontecerá quando os comportamentos estranhos não forem mais aceitos, especialmente em nós mesmos. Não podemos ser aquelas pessoas que andam em coletivos…